CASO DO MENINO RAVY REPERCUTE E PREFEITURA DE NOVA SERRANA EMITE NOTA DE ESCLARECIMENTO

110

O caso do pequeno Ravy, que foi mostrado na última quarta-feira (26) aqui no Programa Lilian Camargos, no JS no Ar e nas redes sociais do Jornal Serranense, repercutiu rapidamente em Nova Serrana. 

O garoto, que nasceu de 6 meses, teve má formação dos pulmões, o que vem gerando vários problemas de saúde ao menino.

Segundo a mãe da criança, Ana Maria Sousa disse que o filho precisa de acompanhamento médico contínuo, especializado e que está encontrando dificuldade para ter acesso ao tratamento do Ravy pelo SUS.

A Secretaria Municipal de Saúde de Nova Serrana, por meio de nota enviada na última sexta-feira (28), informa que está acompanhando o caso do paciente Ravy Vasconcelos de Souza e que em nenhum momento houve negligência por parte de qualquer profissional ou unidade de saúde. 

A unidade de saúde onde o paciente é atendido está à disposição para recebê-lo com prioridade desde o início de seu tratamento e a família já foi orientada quanto a isso.

A Prefeitura informa também que consta nos registros da Secretaria vários atendimentos de saúde ofertados à criança, além de atendimentos ambulatoriais de pneumologia e cardiologia e não há consultas pendentes para o paciente. 

Por fim, esclarece que há um pedido de ecocardiograma transtorácico solicitado pelo médico do PSF São Geraldo, e devido a idade da criança, o procedimento deverá ser realizado com cardiologista infantil. Devido à especificidade (a médica atende uma vez ao mês) o exame está agendado para o dia 18/06/2021 em Pará de Minas.

A campanha para arrecadação de doações para o garoto Ravy continua. Mais informações através do número 9 9197-5911 (WhatsApp). Falar com Ana.

O PIX da mãe do Ravy para doações é o 047.268.863-47.